Segunda-feira, 7 de Abril de 2008
O perigo do etanol, II

By the end of 2007, the emerging competition between the 800 million automobile owners who want to maintain their mobility and the world’s 2 billion poorest people who want simply to survive will be on center stage.

 

Lester Brown, Earth Policy Institute.

 

 

Os ambientalistas ficaram encantados com o etanol. Era a salvação do planeta. Gasolina limpa que ia salvar os ursos polares. Mas, como sempre, os ambientalistas esqueceram as pessoas, esses seres chatos que complicam a fórmula para a salvação do Planeta. 

Querem salvar o “Planeta”, o “Ambiente” (tudo com maiúscula) e depois desprezam a existência de indianos, africanos, indonésios, etc. Um tanque de etanol alivia a culpa ocidental, mas significa muitos pratos de comida a menos no “resto do mundo”. Mas a malta quer é salvar as foquinhas e os ursinhos. Os indianos que se lixem.   

 



publicado por Henrique Raposo
link do poste

pub
pesquisar
 
linques
blogs SAPO