Segunda-feira, 28 de Abril de 2008
JPC no Expresso


... se a memória não me atraiçoa, escrevi neste jornal que a insustentável coligação de Prodi não chegaria ao fim do mandato. Não chegou. Os críticos explicam tudo: o sistema eleitoral, ao promover a "alternanza" e ao impedir tentativas "fascizantes" de poder, também contribui para a bagunça governativa desde o pós-guerra. A juntar a tudo isto, um crescimento económico quase nulo (a Itália foi ultrapassada pela Espanha e, segundo a "Economist", talvez pela Grécia no próximo ano), lixo nas ruas de Nápoles e a jóia da coroa - a mozzarella - caída em desgraça, também não ajudaram. Verdade que Prodi ainda meteu as finanças em ordem. Mas, em contrapartida, esvaziou os bolsos dos compatriotas. Os italianos não costumam importunar os políticos até ao dia em que os políticos desatam a importunar os italianos.


publicado por Paulo Pinto Mascarenhas
link do poste | comentar

pub
pesquisar
 
linques
blogs SAPO