Sexta-feira, 23 de Maio de 2008
O socialismo empobrece

O Governo garantiu hoje que o relatório de Bruxelas que aponta Portugal como o Estado-membro com maior disparidade na repartição dos rendimentos baseia-se em dados de 2004, corrigidos posteriormente pelo Eurostat, o que "diminui o nível de desigualdade".

 

Público

 

-

 

Não é verdade o que diz o Governo - ou o secretário de Estado da Segurança Social, Pedro Marques. Os números do Relatório Sobre a Situação Social na União Europeia (UE) em 2007 falam de uma tendência, que vem de antes de 2000 e que prossegue até 2004. Em 2000 governava António Guterres (1995 a 1999 e 1999 a 2002). Seguiram-se os dois governos de Durão Barroso (2002-2004) e Santana Lopes (2004-2005). As ligeiras mudanças nas políticas não produziram qualquer alteração na tendência. A triste verdade é que Portugal tem seguido e continua a seguir um caminho de empobrecimento, tal como Espanha ("The countries with the highest risk of poverty rates in the EU are two of the new Member States, Poland, Lithuania, and two Mediterranean countries, Spain and Portugal"). Não é porque os ricos estejam mais ricos, mas porque os pobres estão mais pobres. São as políticas socialistas em acção. 



publicado por Paulo Pinto Mascarenhas
link do poste | comentar

Comentários:
De J. Rosado a 23 de Maio de 2008 às 10:12
A confusão entre o nome de Parido Socialista e Socialismo afinal interessa. Convém dizer que Partido Socialista e Socialismo nada têm a ver, todos sabem que o PS é um Partido social-democrata, portanto meus caros politólogos (da independente) não venham armados em santinhos dizer que o socialismo empobrece. Ahhh parece que nos Estados Unidos ainda é pior... é dificil imaginar então não está a europa a lamber as botas aos estados unidos? se é para pior então já basta assim.


De Dylan T. a 23 de Maio de 2008 às 18:23
Caro PPM,

Depreendo, então, da sua cuidada análise que o governo de direita (2002-2005, período em que a tendência não só não se alterou como se agravou) - e para o qual o PPM trabalhou - também empobreceu o pais por ser um governo socialista.

Assim como as administrações dos EUA - país onde a medição de desigualdade é mais acentuada que na média da união europeia - também se caracterizam pelas suas políticas socialistas em acção.

É isso, não é?

Cumprimentos

Dylan T.


De Tiago a 23 de Maio de 2008 às 19:01
Você acredita no que está a dizer ou é só propaganda?

Sabe qual é o recorde de permanência no poder de um primeiro ministro em democracia: Na Suécia, com um partido da internacional socialista e onde há 80% de trabalhadores sindicalizados.

E as democriacias cristâs germânicas? Já comparou as propostas sociais deles (seja a CDA neerlandesa ou a CDU alemâ) com os nossos partidos? Estão muto à esquerda. Sabe qual era o rendimento mínimo nos Países Baixos há 5 anos? Mais de 600 Euros.

Já comparou o salário mínimo com o rendimento per cápita dos vários países europeus? Se a relação entre SMN e rendimento per cápita fosse igual à Holanda o SMN DUPLICAVA (mais coisa menos coisa).

Tente lá falar sobe a realidade...


Comentar post

pub
pesquisar
 
linques
blogs SAPO