Quinta-feira, 17 de Abril de 2008
Expresso de sábado
Dois temas no Expresso do próximo sábado que merecem a nossa particular atenção, entre outros nacionais e internacionais:

Crise de liderança no PSD.

 

O ex-ministro da Justiça de Santana Lopes, José Pedro Aguiar Branco, quer directas até final do ano para derrubar Menezes da presidência do PSD. Com menos de um ano de liderança e a pouco mais de um ano das legislativas o Expresso interroga-se sobre a legitimidade de Luís Filipe Menezes enquanto líder do PSD – se continua intacta ou não – e sobre a necessidade ou legitimidade de este ser substituído pelos seus críticos. Para onde vai o principal partido da oposição se não consegue livrar-se de sucessivas crises internas? Como pode funcionar a democracia se os partidos dos chamado “arco do Poder” não conseguem afirmar-se? Os problemas internos são reflexo de insuficiências próprias ou provocados pela estratégia do PS?

 


Equilíbrio de forças

 

O equilíbrio de forças neste mundo cada vez mais globalizado está em rápida mutação. O poder económico das potências europeias e americanas está a ser ultrapassado por novas potências que emergiram na Ásia. A crise financeira em curso, que está a afectar sobretudo a Europa e os Estados Unidos, é mais uma prova de que o declínio do Ocidente é irreversível? Irão os quatro países BRIC (Brasil, Rússia, Índia e China) dominar o mundo? A China está a crescer este ano a um ritmo 20 vezes superior ao do EUA , que estão praticamente em recessão e a arrastar a Europa.

-

O primeiro vai para o Pedro Marques Lopes. O segundo para o Henrique Raposo.



publicado por Paulo Pinto Mascarenhas
link do poste | comentar

pub
pesquisar
 
linques
blogs SAPO