Terça-feira, 29 de Janeiro de 2008
Prioridades
Escreve Ana Gomes, no Causa Nossa: «Para o “bloco centrão” a Lei da Paridade é admissível em certos órgaos políticos...mas nas autarquias – onde os negócios fiam fino – era o que mais faltava!»

Não vou aqui discutir a aplicação da Lei da Paridade, ou a sua não aplicação neste caso às autarquias, visto que sou completamente contra esta lei ou qualquer lei que aprove um regime de quotas. Mas esta opinião de Ana Gomes, em que transparece que as mulheres são menos susceptíveis de corrupção que os homens é no mínimo interessante. Talvez valesse a pena pedir audiências, criar uma comissão, enfim, o full package do Parlamento Europeu para esclarecer melhor esta questão. É incerto quando terá fim a saga dos voos da CIA, mas é importante manter os nossos eurodeputados entretidos em Bruxelas.

publicado por Bruno Gonçalves
link do poste | comentar
Categorias: , ,

Comentários:
De Pedro Sá a 30 de Janeiro de 2008 às 11:01
É que pensar que a corrupção tem sexo é das coisas mais absurdas que já ouvi.


De Miguel Madeira a 30 de Janeiro de 2008 às 11:20
"Mas esta opinião de Ana Gomes, em que transparece que as mulheres são menos susceptíveis de corrupção que os homens é no mínimo interessante"

Não faço ideia do que a Ana Gomes quer dizer, mas é perfeitamente possível escrever o que ela escreve sem achar que as mulheres são menos corruptas que os homens, e por dois caminhos:

Hipotese A:

- A Lei da Paridade iria obrigar a substituir muita gente (pelo menos nos concelhos onde um dos sexos esteja sub-representado)
- Os politicos "novos" serão mais dificieis de corromper (ou, talvez mais provável, os corruptores têm mais medo de abordar politicos "novos", já que não sabem como eles irão reagir nem o seu "preço")
- Logo, a Lei da Paridade iria tornar a corruipção mais dificil

Hipotese B:

- Estar na Camara rende muito, logo os homens estarão menos dispostos a partilhar esses lugares com mulheres do que os lugares menos lucrativos (ou seja, os corruptos não querem ser substituidos por corruptas)


Comentar post

pub
pesquisar
 
linques
blogs SAPO